Covardes Anônimos Chamando Covardes Anônimos de Covardes Anônimos

Padrão

Vivemos em um mundo — como a Linda Stone de Microsoft descreve-o — de atenção sempre parcial — Richard Edelman, Edelman Worldwide

Nas ruinas da cidade de Pompeia, acharam pichações políticas tipo «o sindicato de barbeiros apoiam Lúcio prefeito».

Algum folião opositor de Lúcio tinha acrescentado: «os cachaceiros que durmem no parque apoiam Lúcio prefeito»

Nova e notável nesse mesmo sentido: BLOG DA DILMA PRESIDENTE: OS ANÔNIMOS SÃO COVARDES.

Ora, uma vez que eu colei a noção do «anônimo covarde» do venerável foro Slashdot — com atribuição à fonte, no entanto — acho que não posso reclamar de plágio aqui. Mas eu já postei sobre o mesmo assunto, sem o protagonismo político partidário — o IMIL sendo uma organização apartidária e tal.

Nossa indignada Jussara — quem é? — está indignada:

É simples entender porque a maioria dos blogueiros da oposição são anônimos. Todas as pesquisas de opinião mostram que só 5% da população não gosta do governo Lula e do presidente Lula. São pessoas que fazem parte da oposição raivosa e virulenta. A grande maioria é defensora ferrenha da ditadura militar, da tortura, gente que afirma barbaridades sem nenhum pudor por estar no anonimato: escrevem que os militares erraram porque mataram poucos, que deveriam ter matado todos.  … Eles têm medo de serem processados pelas mentiras, calúnias, invencionices, e não permitem o contraditório em seus blogs. Quando escrevem comentários nos blogs de quem defende o governo Lula, defende a candidatura da Dilma, estes são cheios de ofensas, palavras de baixo calão, ameaças, sempre anônimos. Esse anonimato mostra que são covardes, o anônimo é um covarde.

Um fato curioso aqui é que quem assina embaixo realmente não se identifica, ainda que pedindo dinheiro para sustentar o projeto.

O jogador de futebol no Atlante? Não, deve ser outro.

O blog se diz amado pela candidata de continuismo.

Mais estranho ainda: O texto parece ter sido plagiado.

De nossa autora assinada embaixo, Jussara Seixas, só consta o seguinte.

Com esse tal de Daniel Pearl, co-autor do blog nominalmente pro-continuismo, já cruzei vários anos atrás.

O verdadeiro Daniel Pearl foi o jornalista do Wall St. Journal executado por radicais islámicos em Paquistão alguns anos atrás. Foi terrível, tal como foi a execução do editor da revista Forbes na Rússia em Moscou.

Na época, um artigo deste Daniel Pearl fictício lusófono foi repercutido pelo blog Alerta Total — um blog que antes alinhava-se firme com os pijamados de TERNUMA mas de repente começaram a postar itens no sentido contrário no site de Indymedia Brasil.

Ainda pode ler o discurso do general Figueiredo Júnior no Clube Militar no blog.

Aquela nota de Daniel Pear foi exemplar no uso de «medo, incerteza e dúvidas» até no titulo

O Raio-X de um Golpe Contra Lula

Eu achei um exercício vazio de inuendo e pânico moral, sem fundamento em novos fatos, ou, de fato, em quaisquer fatos.

Desde então, o blog migrou de BLOGSPOT.COM para domínio próprio, ALERTATOTAL.NET, mas continua hospedado nos servidores de Google em Mountain View, California.

O AlertaTotal volta hoje a um proselitismo mambembe anti-continuismo, assinado embaixo por nosso mercadologista Jose Serrão (Serrão? Serrá?)

Por aqui, corre risco de enforcamento moral quem não for amigo do Rei $talinácio – aquele que promove a derrama dos impostos, dos juros altos, mas continua popular porque libera crédito e bolsa família para o povão consumir até nos bordéis de Pasárgada.

O «homem de palha» da «rainha de assistência pública do estado de bem-estar» foi invenção da Revolução Reagan. Supostamente, negonas dos COHABs de Chicago estavam comprando frotas de Cadillacs por meio de fraude contra o sistema de renda suplementar.

Mas não vamos lembrar disso, e fazer que nem nosso Rei. Tomemos todas para esquecer. Porque hoje é feriado. Dia de fazer nada em Pasárgada. Graças aos burocratas que criaram o Dia de Tiradentes. A gente pode enforcar o trabalho porque o coitado morreu enforcado por ter assumido que participou de uma revolução, em 1789, para tentar implantar uma República no Brasil.

O editor do site hoje em dia fornece uma biografia.

Mais um jornalista egresso de Globo virado guru de marketing — que nem Mônica Veloso.

Segundo ele.

Tarefa de casa: confirmar se alguém com esse nome já trabalhava onde se diz ter trabalhado morando no endereço fornecido.

Avenida Pavao, 561 apto 74
Moema
Sao Paulo, SP 04516-012
BR

Em fim: o desabafo contra anônimos provem de alguém bastante nebulosa — mas ainda querendo seu dinheiro.

É um golpe, gente, nos moldes do notório e-mail nigeriano.

O contexto maior é um projeto bastante incoerente e exdrúxulo.

Era uma vez que o Daniel Pearl, por exemplo, se diz parte de uma editora virtual em Irlanda do qual não constava nenhuma informação quanto a sua existência.

Palpite: É para alguém denunciar que quem apoia a petralhada são covardes anônimos hipócritas. Vão até citar esta nota fora de contexto para apoiar a denúncia.

Se eu fosse o PT, eu entrava com processo contra o abuso dos seus direitos autorais, o logotipo da estrela vermelha sendo sua propriedade intelectual.