O Efeito Reclusa | Muitos Caciques e Poucos Índios

Padrão

Estou à toa na vida … só aguardando até o Carnaval chegar … esquenta ferro passa minha roupa … Sittin’ on the dock of the bay. E outros antigos sucessos dourados do Eldorado FM.

Foi interessante ler recentement, num relatório da USAID sobre seu programa PROMEDIA, a observação de que, talvez, as ONGs e OSCIPs com quem trabalha sofram de “uma excedente de caciques e um escassez de índios.» Foi seu jeito de admitr que as moblizações de massa que iam varrar o Sul da Àsia e os -stãos nunca se manifestaram.

Antes, chamamos este resultado, planejado out não, do “bloco de eu sozinho», mas podia ser chamada com igual justíça do Fenómeno Peña Esclusa. Escolhendo marginiais como líderes carismáticoscutucando a onça com vara curata, os resultados também serão. Margomaos. quero dizer.

Ao Inter-American Institute, de Olavo Carvalho, onde o desafiador de Tio Hugo é o peritíssimo palestrante em algo ou outro, falta-lhe qualquer existência jurídica, segundo um e-mail que recebi do Instituto. Consiste quase tão somente em um núcleo de contas de Twitter que repercutem as breves mensagens uns dos outros

O Laigle’s Forum — venerável foro de pensamentologia direitista — fornece os Inter-Americanos com um microfone poderoso para alcançar leitores da “cola longa.”

Mas talvez a campeã na montagem desse tipo de «câmara de eco» seja a Amalia Fischer Flaeffle, que preside uma organização-alliança todas as integrantes da qual são presidida por ela.

Ela dispõe de um orçamento que chegou aos meio bilhão de dólares, de 365 fontes, durante uma década. A única fonte de respostas sobre estas movimentações dada é a Grantmakers Without Borders — Doadores sem fronteiras — que mora numa caixa postal na cidade de Boston. É impressionante.

Tem um bolsa de pesquisa agora numa ONG cujo sócio principal, um dos maiores grupos de RP no mundo, defendia o Body Shop contra o alegado uso de ingredientes “não-naturais,” tal como defendia o De Beers contra alegadas expropriações ilegais de terras indígenas na África.

O núcleo temático do discurso enredado de Olavo, nessa visão de “autoridade” na rede, é a cisma religiosa — entre católicos e entre anglicanos — mas a cena de maior articulação.está no «twitwork» — rede, ou ntetwork, de tuites — de cada componente do Instituto Fictício Cíiber-Carvalho.

Acima, a subrede de Peña Esclusa.

Abaixo, da UNOAMERICA, fundado pelo Instituto Atlas e presidido pela PE.

.

E assim vai.

Tem um certa predileção pelo diário argentino Clarín.

Estou simplesmente apontando mais um caso do que já escrevi:

Vemos um efeito parecido na campanha eleitoral na Internet no Brasil desse ano, assim como vimos nas eleições nos EUA em 2008: a amplificação das vozes de uma pequena minoria, um pequeno conventículo radical de inspiração ideológica cujo uso de múltiplas identidades espúrias, como diz o Sourcewath sobre o grupo Living Marxism,

… permite ao grupo a ampla divulgação das suas ideias na mídia sem ser reconhecido como um conventículo relativamente pequeno de inspiração ideológica …

Peña Esclusa tem que ser contando com um exemplo bem-sucedido dessa estrátegia, dada a repercussão da sua prisão recente na Venezuela. O Washington Times — do Reverendo Sun Myung Moon — tratou-lhe como o Reagan tratava os Contras dos anos 1980, em um discurso melhor esquecido — como “o equivalente moral dos Pais da Pátria.”

Ora, aquele Ethan Allen era um guerrilha sanguinário, mas não me lembro de tropas continentais estuprando e assassinado freiras, nem trafeganco cocaína em aviões militares do governo.

Tenho mais um a acrescentar à lista …. o Gerson Rollim, pacato blogueiro de Blogspot … e dretor da mais importante entidade de classe de comércio-e no Brasil, representndo os interesses de 91 empresas, entre eles,

Do blog de Gerson mais em seguida.

Conclusão concreta, embora provisória: O DComércio costuma selecionar seus articulistas de entre militantes do anarcocapitalismo que passa para libertarianismo hoje em dia.